Os cuidados com a bichectomia são indispensáveis para quem realiza esse tipo de operação. Tanto no pré-operatório como nos pós, uma vez que são essas medidas que podem evitar problemas como má cicatrização ou até mesmo infecções.

É preciso levar em conta que tudo pode interferir nos resultados desse tipo de cirurgia estética. O tabagismo, por exemplo, pode prejudicar a cicatrização. Por conta disso que os cirurgiões recomendam que os pacientes parem de fumar algumas semanas antes e depois do procedimento.

E nesse post vamos falar tanto sobre os cuidados com a bichectomia antes e depois da cirurgia.

Cuidados com a bichectomia no pré-operatório

Um dos principais cuidados com a bichectomia antes da operação é a higiene bucal, uma vez que qualquer bactéria ou agente maléfico pode gerar uma infecção. O ideal é que o paciente faça enxágue com clorexidina (ou o produto indicado pelo cirurgião) entre 3 e 5 dias antes do procedimento.

Isso irá garantir que desde as gengivas até os dentes fiquem totalmente limpos.

Além disso, também pode ser recomendado o uso de antissépticos e antibióticos, uma vez que eles ajudam a diminuir as chances de infecção. Esses medicamentos também serão usados após o procedimento.

Mais um dos cuidados com a bichectomia é deixar de lado hábitos não saudáveis, como fumar ou consumir álcool. E esse cuidado também vale para o pós-operatório. E por fim, o uso de medicamentos como aspirinas e anticoagulantes também deve ser evitado ou suspenso para não prejudicar a cicatrização.

Cuidados com a bichectomia no pós-operatório

Apesar de ser um procedimento simples, também existem cuidados com a bichectomia no pós-operatório. Após a intervenção é necessário usar uma faixa compressiva na região para reduzir o surgimento de hematomas e do inchaço ocasionado pelo procedimento.

Outra recomendação é que o paciente durma com a cabeça levemente levantada e aplique compressas geladas na região das bochechas. Também será necessário seguir uma dieta diferenciada baseada apenas no consumo de líquidos. O paciente só pode comer sólidos depois de liberação médica.

Além disso, é preciso ter cuidado redobrado com a higiene bucal nas primeiras 24 horas após a realização do procedimento.

E como em qualquer outra cirurgia, o paciente precisa visitar o médico para acompanhamento da recuperação e posteriormente para a retirada dos pontos. No caso de pontos reabsorvíveis, o próprio organismo irá absorvê-los, dispensando assim a retirada.

O paciente poderá retornar a atividades normais como trabalhar depois de dois dias após o procedimento. Além disso, ele poderá voltar a praticar exercícios físicos desde que haja liberação médica.

Hábitos menos saudáveis como fumo e consumo de bebidas alcoólicas também estão liberados a partir desse período. No entanto os especialistas aconselham que o paciente aproveite o tempo de recuperação para deixá-los de lado.

Caso você tenha qualquer dúvida em relação aos cuidados com a bichectomia não deixe de falar com o seu cirurgião plástico. Ele te dará todas as recomendações necessárias para garantir os melhores resultados.