Quando o assunto é abdominoplastia e gravidez, muitas dúvidas acabam surgindo na cabeça das mulheres que querem realizar esse procedimento cirúrgico para voltar a ter o corpo de antes da gestação.

A verdade é que muitas mulheres têm dificuldade em voltar ao corpo de antes da gestação de forma natural. E uma das alternativas que é capaz de proporcionar esse resultado a elas é a abdominoplastia.

Mas, qual será o momento ideal para fazer esse procedimento? Quando ele é realmente indicado?

Continue lendo esse post e aproveite para esclarecer estas e muitas outras dúvidas a respeito da relação abdominoplastia e gravidez.

Abdominoplastia e gravidez: quando é indicado a cirurgia após o parto?

Uma das dúvidas mais recorrentes quando o assunto é abdominoplastia e gravidez é quando esse procedimento é indicado.

Basicamente, essa cirurgia é indicada para mulheres que sofreram alterações corporais e que não conseguiram recuperar a forma antiga, mesmo eliminando todo o peso extra adquirido durante a gravidez.

Para realizar esse procedimento, o ideal é que a mulher já esteja dentro da sua faixa de peso ideal, ou chegando próximo ao peso ideal. Muita gente acha que as pacientes que estão muito acima do peso podem fazer essa intervenção cirúrgica.

Contudo, isso não é o mais indicado, uma vez que se elas perderem peso todos os resultados também serão perdidos. Por isso, é fundamental que a mulher volte ao peso saudável antes de realizar a abdominoplastia.

A abdominoplastia também é indicada quando esse é o desejo da mulher. De forma alguma a paciente deve realizar esse procedimento apenas porque o parceiro, familiares ou amigos assim o querem.

Outro detalhe importante é que esse procedimento não é indicado para mulheres que pretendem engravidar novamente. A abdominoplastia não interfere em uma outra gestação, ou atrapalha a evolução do bebê na barriga, o que pode vir a acontecer é que se a paciente ganhar muito peso durante a gestação ela pode perder um pouco do resultado.

E quando a abdominoplastia pode ser realizada depois da gestação?

Outra dúvida recorrente sobre a abdominoplastia e gravidez é quando o procedimento pode ser realizado depois da gestação.

O ideal é que ele seja feito depois que a mulher tenha se recuperado totalmente das transformações típicas desse período, tais como:

  • Aumento dos seios;
  • Acúmulo de peso;
  • Mudanças hormonais;
  • Ganho de gordura corporal.

Muita gente não sabe, mas além da estética, muito órgãos da mulher também sofrem alterações durante a gestação.

Logo, quando a mulher dá à luz, é necessário um período para eles se recuperarem. No caso do fígado e rins, são necessários cerca de dois meses para a recuperação total.

A amamentação acaba mantendo o volume grandes dos seios. Por conta disso, é recomendado aguardar o fim da amamentação para fazer o procedimento, caso a paciente não queira esperar ela pode tomar medicamento para secar o leite.

Além disso, muitos médicos recomendam que as mães se programem e peçam ajuda na primeira semana após a cirurgia para não carregarem peso ou pegarem a criança no colo.

O que é essencial, uma vez que o pós-operatório da abdominoplastia exige repouso relativo de pelo menos 8 dias.

No mais, o tempo ideal vai depender da avaliação do cirurgião, normalmente é orientado aguardar 9 meses após a gestação.

Se você tem mais alguma dúvida em relação a abdominoplastia e gravidez, o ideal é falar com um cirurgião especializado no assunto. Ele poderá te dar todas as orientações sobre o assunto.