O número de atendimentos em consultórios e clínicas de beleza chega a dobrar em São Paulo durante feriados prolongados. Com dois feriados seguidos – Proclamação da República (15 de novembro) e Dia da Consciência Negra (20 de novembro) -, o movimento se intensificou nas clínicas da capital.

A vendedora Ariane Luiz Lima é uma dessas pacientes. Há dois anos ela sonha em colocar silicone, mas sempre adiou. “Por conta da escola das crianças, do meu trabalho. Agora eu pedi, conversei com eles e deu tudo certo”. Na quarta-feira (21) ela já tem que estar de volta ao trabalho.

O médico cirurgião Thomas Benson explica que a maioria das pacientes que coloca silicone já pode retomar as atividades dias depois da cirurgia, com alguns cuidados. “Ela tem que ter uma recuperação que ela consiga voltar bem para o trabalho. Porém, no trabalho ela tem que tomar certos cuidados também, seguir as orientações médicas.”

Nos feriados, as cirurgias mais procuradas são próteses de mama e lipoaspiração. Segundo o médico, no feriado da Proclamação da República, o número de cirurgias dobrou comparado a semana passada – 76 contra 33.

Muita gente também sacrificou o feriado para cuidar da pele. Em uma clínica de estética da capital, a procura está 70% maior do que em dias comuns. O equipamento mais usado foi o laser de gás carbônico. Os disparos na pele servem para diminuir rugas, manchas ou estrias.

“Sempre existe um processo inflamatório nos dias posteriores. Às vezes três, quatro, cinco dias de repouso que a gente diz são necessários”, explica o dermatologista Fernando Passos de Freitas.